Black Friday Ubannet

10/08/2019 às 03h58m - Atualizado em 10/08/2019 às 07h53m

Menina de 6 anos é morta por mãe de amiga em Minas Gerais; mulher confessou crime

A garota foi vista pela última vez na tarde desta quinta-feira. Amigos da família se uniram a parentes na divulgação de posts nas redes sociais com fotos e informações sobre ela.

minas_gerais-crueldade

A família de uma menina de 6 anos, que foi encontrada morta com sinais de estrangulamento, no início da madrugada desta sexta-feira, ficou chocada ao descobrir que uma pessoa de confiança que mora perto havia confessado o crime à polícia. Segundo uma parente da vítima, a autora tem uma filha de 5 anos e as duas meninas costumavam brincar juntas. O caso ocorreu em Divinópolis (MG).

— Ela tinha carinho pela Amanda, que brincava com a filha dela. Nunca pensamos que isso pudesse acontecer — disse ela ao EXTRA.

A vítima, identificada como Amanda Filgueiras, de 6 anos, havia sido dada como desaparecida por volta das 17h20 desta quinta-feira. Amigos da família se uniram a parentes na divulgação de posts nas redes sociais com fotos e informações sobre ela. As buscas continuaram até que, por volta da meia noite, moradores ouviram um barulho e encontraram a menina em frente à casa de Sarah Maria de Araújo, de 38 anos.

Ao ser questionada por policiais, Sarah confessou a autoria do crime. Não foi ainda esclarecida, contudo, a motivação para tal.

A investigação da Polícia Civil de Minas Gerais apontou que Amanda apresentava sinais de asfixia por esganadura e machucados em várias partes do corpo. Foi constatado ainda que a menina foi jogada, já sem sinais vitais, do segundo andar da residência de Sarah. Dessa forma, a versão inicialmente apresentada pela suspeita, de que a criança havia caído da janela num acidente, não corresponde aos resultados da perícia.

Segundo os investigadores, a mulher modificou elementos da cena do crime. Ela pegou as embalagens de iogurte que as crianças tinham tomado, uma boneca da vítima, além de seu chinelo e uma calça, e os colocou em outro ambiente, numa tentativa de dissimular o que se passara em sua casa.

A escola onde Amanda estudava lamentou o ocorrido em sua página do Facebook:

"O CMEI Jesus Pereira da Costa está com o coração em luto. Solidariedade a família da nossa querida Amanda. Descanse em paz anjinho!", afirma a unidade de ensino em nota.

Amanda foi velada nesta sexta-feira, na Igreja Aventista da cidade, e amanhã será sepultada no cimitério Parque da Colina, às 8h.

Leia abaixo o comunicado da assessoria de imprensa da Polícia Civil:

"A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) prendeu em flagrante Sarah Maria de Araújo, 38 anos, suspeita de assassinar sua vizinha, uma criança de 6 anos, em Divinópolis, região Centro-Oeste do estado. O crime aconteceu na noite de ontem (8), no bairro Lagoa dos Mandarins/Icaraí. O corpo da menina foi encontrado próximo à residência da suspeita. Exames de necropsia apontam asfixia como causa da morte.

Inicialmente, chegou ao conhecimento da Polícia que a criança teria desaparecido de casa, quando retornou da escola com a mãe. Imediatamente, começaram as buscas, porém, sem êxito. Por volta de meia-noite, houve um novo acionamento, indicando a localização do corpo da criança".

Do Extra

 

 

Comentários

Comentário pelo Facebok
Outros comentário

Outras notícias