GB Bateiras Auto Elétrica e Mecânica. Em Timbaúba (81)3631-0979 e Carpina (81)3621-3762
Vem para ubafibra | Ubannet (81) 3631-5600

24/08/2020 às 13h21m

Integrantes de organizada do Sport invadem área de estádio do Náutico após jogo e quebram vidros de carros

Segundo PM, integrantes da Jovem quebraram portão do clube rival, que jogou contra o Juventude (RS), neste sábado (22). Torcidas estão proibidas por causa da pandemia.

sede_nautico

A Polícia Militar registrou uma confusão envolvendo uma torcida organizada, após o jogo entre Náutico e Juventude (RS), nos Aflitos, na Zona Norte do Recife, neste sábado (22). Por meio de nota, a corporação informou que integrantes da Jovem, do Sport, quebraram um portão de acesso, invadiram uma área do Estádio Eládio de Barros Carvalho, do clube rival, e danificaram vidros de carros.

Ainda de acordo com a PM, os veículos estavam estacionados na área interna do estádio. Os envolvidos na ação conseguiram fugir. A corporação disse, ainda, que até as 21h30 não havia efetuado prisões.

Na nota, a PM informou que equipes da Radiopatrulha e policiais com motos foram acionadas. Elas tiveram apoio do Grupo Tático Itinerante (Gati).

Moradores da área disseram que ouviram barulho de sirenes de carros da polícia. Também houve relato de um barulho, que poderia ser de uma bomba.

Por meio de nota, a Polícia Civil informou que as investigações sobre o ocorrido estão sendo apuradas para identificar os autores. "Ao término das investigações, a polícia civil irá se pronunciar", disse a corporação.

Séries diferentes

O fato aconteceu em meio à pandemia do novo coronavírus, quando as torcidas estão proibidas de frequentar os estádios. O futebol foi autorizado pelo governo de Pernambuco, em julho deste ano, mas sem público (veja vídeo acima).

O Sport e o Náutico não disputam a mesma competição. O rubro-negro do Recife está na Série A e o alvirrubro, na Série B.

Extinção

Em fevereiro, deste ano, o Judiciário pernambucano acatou o pedido do governo estadual e determinou a extinção compulsória de três torcidas organizadas do Sport, Santa Cruz e Náutico.

Em decisão, divulgada no dia 18, o Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) informou que foram julgadas ações que pediam o encerramento das atividades da Jovem, Inferno Coral e Fanáutico, "por episódios constantes de violência, vandalismo e brigas".

Outro caso

Em 7 de março deste ano, antes da paralisação por causa da pandemia, integrantes de torcidas organizadas do Sport e do Santa Cruz provocaram confusão e correria na Avenida Agamenon Magalhães e em outras ruas próximas ao estádio da Ilha do Retiro, na região central do Recife.

Imagens enviadas para o WhatsApp da TV Globo mostraram torcedores correndo nas vias, indo em direção ao grupo da torcida do time rival, e também na Ponte José de Barros Lima. Policiais militares chegaram ao local do tumulto para acabar com a confusão.

Comentários

Comentário pelo Facebok
Outros comentário

Outras notícias