Black Friday Ubannet

31/10/2019 às 22h23m - Atualizado em 31/10/2019 às 22h24m

Macaparana sedia 6ª edição do Projeto Alepe nos Municípios

160 estudantes receberam informações sobre o funcionamento do Poder Legislativo, por meio de palestras, vídeos e atividade lúdica. Cidade foi sugerida por Antônio Moraes.

alepe_nos_municpios_macaparana_1

Estudantes de Macaparana tiveram uma tarde de aprendizado sobre o funcionamento do Poder Legislativo de Pernambuco e o papel dos deputados estaduais. A sexta edição do Projeto Alepe nos Municípios foi realizada na quarta (30), na Escola de Referência em Ensino Médio Professora Benedita de Morais Guerra, localizada nessa cidade da Mata Norte, distante 115 quilômetros do Recife.

A iniciativa, desenvolvida pela Assembleia em parceria com a Secretaria Estadual de Educação, leva conhecimento sobre o trabalho da Casa por meio de palestras, vídeos e atividade lúdica. Desta vez, a ação mobilizou 160 alunos do Ensino Médio de quatro colégios, além de professores e gestores.

Servidores da Consultoria Legislativa (Consuleg) e da Ouvidoria deram explicações técnicas sobre a Casa. O consultor Bruno Pereira abordou o papel do Legislativo, as atribuições dos deputados estaduais e formas de participação popular, como o acompanhamento de audiências públicas e das Reuniões Plenárias, além de redes sociais (Facebook, Instagram e Twitter), TV Alepe e portal de notícias.

Por meio de um formulário da Ouvidoria Itinerante, as pessoas puderam fazer perguntas, sugestões, reclamações, denúncias e críticas. A funcionária Gabriela Vilela explicou aos jovens a importância de os cidadãos acessarem a Ouvidoria pelo site da Alepe e mostrou o passo a passo desse processo no portal. 

O superintendente de Comunicação Social da Casa, Ricardo Costa, representou o presidente da Assembleia, deputado Eriberto Medeiros (PP), durante o evento. Ele saudou o público e enfatizou o esforço da instituição para promover o Alepe nos Municípios. “Não estamos aqui para promover palanque eleitoral de ninguém. Viemos trazer cidadania para vocês, mostrando as ferramentas que a Assembleia tem para que possam conhecer e contribuir com esse trabalho.” 

Medeiros, que não pôde comparecer por motivo de compromisso na sede do Poder Legislativo, enviou mensagem de vídeo aos estudantes. “A Casa de Todos os Pernambucanos continua de portas abertas, como sempre esteve, mas agora estamos indo ao seu município, ao encontro da população, para ouvir sugestões e opiniões”, afirmou.

Para a gestora da Escola de Referência em Ensino Médio (Erem) Professora Benedita de Morais, Laudicea Farias, o projeto é de suma importância, uma vez que estreita a distância entre a Assembleia e a população. “Principalmente para os jovens, que vão aprender como funciona o Poder Legislativo e poder tirar dúvidas.”

alepe_nos_municpios_macaparana_2Também estiveram presentes os deputados Antônio Moraes (PP), que sugeriu a participação da cidade, e Professor Paulo Dutra (PSB). Moraes destacou a importância da iniciativa por mostrar aos cidadãos, sobretudo os mais jovens, o real papel do Poder Legislativo. “Cabe aos parlamentares elaborar as leis, fiscalizar o cumprimento delas, denunciar problemas, exigir a devida aplicação dos recursos públicos. Muitas vezes, o deputado é cobrado para realizar obras estruturais, consertos de rodovias e por questões relacionadas à segurança pública, por exemplo, mas isso é atribuição do Poder Executivo”, frisou.

Dutra elogiou Eriberto Medeiros pela criação do Projeto Alepe nos Municípios e contou que estar em Macaparana, na Erem Benedita de Morais, é sempre um momento de muita felicidade. “Tive o grande prazer de ter sido convidado pelo ex-governador Eduardo Campos para implantar essa política de educação integral no Estado”, recordou. O socialista é neto da primeira professora de Macaparana, que dá nome à escola.

alepe_nos_municpios_macaparana_3Master Legis – Um dos momentos mais esperados do evento é o Master Legis, um jogo de perguntas e respostas sobre o Poder Legislativo e as atribuições dos parlamentares. Com participação de alunos da Erem Benedita de Morais e de outras três escolas estaduais da cidade (Antônio Coutinho, Brigadeiro Eduardo Gomes e Erem Creusa de Freitas Cavalcanti), a estudante Ana Luísa Borges foi a vencedora. 

A jovem acertou nove das dez perguntas e ganhou um tablet, um troféu e um diploma. Os outros três concorrentes do jogo, Carliene Moraes, Vanessa Silva e Roberto Vicente da Silva receberam diplomas pela participação. “Não sabia quase nada sobre o Poder Legislativo, mas aprendi muita coisa”, salientou Ana Luísa, que é aluna do segundo ano do Ensino Médio na Erem Benedita de Morais.

Também participaram dessa sexta edição do Alepe nos Municípios o prefeito de Macaparana, Maviael Cavalcanti, vereadores, entre outros. O projeto, que pretende abranger as 184 cidades pernambucanas, já passou por Timbaúba (Mata Norte), Ribeirão e Belém de Maria (Mata Sul) e Ipojuca e Cabo de Santo Agostinho (RMR). O próximo destino deverá ser Canhotinho, no Agreste Meridional, no dia 4 de novembro.

Fotos: Evane Manço

Comentários

Comentário pelo Facebok
Outros comentário

Outras notícias