GB Bateiras Auto Elétrica e Mecânica. Em Timbaúba (81)3631-0979 e Carpina (81)3621-3762
Vem para ubafibra | Ubannet (81) 3631-5600

29/01/2020 às 22h39m - Atualizado em 30/01/2020 às 06h49m

Suspeito de matar mulher queimada em Itaquitinga é preso

Caso provocou revolta na cidade e moradores protestaram, nesta quarta-feira (29), pedindo prisão. Captura ocorreu em Goiana, no Grande Recife, segundo a delegacia.

queimada_pelo_ex-marido

Foi preso nesta quarta-feira (29) o homem suspeito de matar uma mulher de 22 anos, em Itaquitinga, na Zona da Mata de Pernambuco. Thayslane Beatriz Teixeira da Silva foi vítima de queimaduras causadas por um incêndio na casa dela, no dia 13 de janeiro. Ela morreu na terça-feira (28). A Polícia Civil confirmou a captura de Ariclenes Pessoa, por meio de nota.

A vítima ficou internada por 15 dias no Hospital da Restauração (HR), no Centro do Recife. A secretária da Mulher de Pernambuco, Silvia Cordeiro, disse que a pasta estava acompanhando de perto o caso e que recebeu a confirmação da prisão por volta das 18h.

"O que recebemos é que a prisão ocorreu no fim da tarde. Estávamos acompanhando o caso e, diante do óbito, passamos a intensificar as ações para dar alguma resposta sobre esse crime", afirmou.

O homem foi preso em Goiana, no Grande Recife, e transferido para a Delegacia de Itaquitinga, segundo informações repassadas pela delegacia local. Moradores da região fizeram um protesto em frente à sede da Polícia Civil local. O caso está sendo investigado pelo delegado Aldeci José.

O caso

O principal suspeito de ter ateado fogo à casa onde Thayslane estava é o ex-marido da jovem, cujo nome não foi divulgado. Testemunhas disseram que o relacionamento dos dois era conturbado. Segundo a Polícia Civil, a vítima foi queimada dentro de casa no dia 13 de janeiro e foi levada ao Hospital da Restauração, no Recife .

A jovem foi internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do setor de Queimados e, por volta das 5h da terça (28), não resistiu aos ferimentos. O corpo da vítima foi encaminhado ao Instituto de Medicina Legal (IML), no Recife. O velório e enterro ocorreram na tarde desta quarta (29), em Itaquitinga.

Do G1 PE

Comentários

Comentário pelo Facebok
Outros comentário

Outras notícias