GB Bateiras Auto Elétrica e Mecânica. Em Timbaúba (81)3631-0979 e Carpina (81)3621-3762
Vem para ubafibra | Ubannet (81) 3631-5600

09/03/2020 às 22h33m - Atualizado em 10/03/2020 às 01h05m

Policial é morto a pauladas e tiros após ser sequestrado em baile funk em São Paulo

O soldado PM Gledson Silva de Gusmão, de 38 anos, ia para um baile funk com uma amiga, quando foi abordado por dois suspeitos, que o levaram para uma área deserta.

sao_paulo-morte_de_pm

Um policial militar foi sequestrado e brutalmente assassinado na madrugada deste domingo (8) em Bertioga, no litoral de São Paulo. O soldado PM Gledson Silva de Gusmão, de 38 anos, ia para um baile funk com uma amiga, quando foi abordado por dois suspeitos, que o levaram para uma área deserta, próxima a um mangue. As informações são do jornal A Tribuna.

De acordo com a reportagem, a amiga do PM, de 15 anos, teria dito a ele que tinha curiosidade em conhecer um baile funk. A vítima se propôs a levar a garota ao local, mas ao chegar lá, o policial foi reconhecido por criminosos, que o abordaram e o assassinaram em seguida.

Segundo a Polícia Militar, a vítima foi encontrada após a esposa de Gledson acionar a corporação. O corpo do policial tinha dois tiros na cabeça, várias pauladas, escoriações e marcas de facadas na cabeça. O PM portava uma pistola calibre .40 e 15 munições, que foram roubadas pelos assassinos.

Ainda de acordo com A Tribuna, Gledson Silva de Gusmão trabalhava na área da 4ª Cia do 22º BPMM de Bertioga. O corpo da vítima foi encaminhado ao IML de Santos. A chefia de investigação da Delegacia Sede de Bertioga foi acionada.

Comentários

Comentário pelo Facebok
Outros comentário

Outras notícias