GB Bateiras Auto Elétrica e Mecânica. Em Timbaúba (81)3631-0979 e Carpina (81)3621-3762
Vem para ubafibra | Ubannet (81) 3631-5600

11/04/2021 às 10h52m - Atualizado em 11/04/2021 às 11h54m

Timbaúba registra queda na geração de empregos, segundo Caged

Nos meses de janeiro e fevereiro de 2021, aconteceram 260 admissões e 668 pessoas perderam seus empregos, saldo negativo de 408 postos de trabalho.

comercio_fechado_1

O Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) analisa diversos setores da economia. E o município de Timbaúba, Mata Norte de Pernambuco, apresenta queda em relação a geração de empregos nos dois primeiros meses do ano de 2021.

Em janeiro foram 110 pessoas admitidas e 330 demitidas de seus empregos, isso representa um saldo negativo de 240 postos de trabalho. Já em fevereiro, foram 150 pessoas admissões e 338 desligamentos, saldo negativo de 168 postos de trabalho. No geral, foram 260 admissões e 668 desligamentos, um saldo negativo de 408 postos de trabalho.

Ainda de acordo com a Caged, o setor de construção foi o com mais desligamentos, um total de 263. Esse setor admitiu apenas cinco pessoas nesse período, saldo negativo de 258 postos de trabalho. Também estão em queda os setores de indústria e serviços.

comercio-loja-cdl

O setor de agropecuária apresentou saldo positivo com 29 admissões e nove desligamentos. Comércio teve uma pequena alta de 0,28% nesse período.

De acordo com o Ministério da Economia, o Caged foi criado como registro permanente de admissões e dispensa de empregados, sob o regime da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). É utilizado pelo Programa de Seguro-Desemprego, para conferir os dados referentes aos vínculos trabalhistas, além de outros programas sociais.

Este Cadastro serve, ainda, como base para a elaboração de estudos, pesquisas, projetos e programas ligados ao mercado de trabalho, ao mesmo tempo em que subsidia a tomada de decisões para ações governamentais.

Comentários

Comentário pelo Facebok
Outros comentário

Outras notícias