GB Bateiras Auto Elétrica e Mecânica. Em Timbaúba (81)3631-0979 e Carpina (81)3621-3762
Vem para ubafibra | Ubannet (81) 3631-5600

28/07/2014 às 01h34m - Atualizado em 28/07/2014 às 01h46m

Candidatos ao Governo prestigiam Missa do Vaqueiro

Paulo Câmara esteve acompanhado do governador João Lyra Neto, já Armando Monteiro esteve acompanhado do senador Humberto Costa

A Missa do Vaqueiro, em Serrita, no Sertão pernambucano, uma das mais importantes manifestações da religiosidade e da cultura sertanejas, foi parada obrigatória, neste domingo (27), para os candidatos ao Governo do Estado pela Frente Popular, Paulo Câmara (PSB), e pela coligação Pernambuco Vai Mais Longe, Armando Monteiro Neto (PTB).

O petebista esteve acompanhado do senador Humberto Costa (PT) e de lideranças políticas regionais. Junto a deputados federais e estaduais, além de candidatos à Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), Armando ouviu dos sertanejos palavras de incentivo e demandas da região.

Ao fim do ato religioso em homenagem ao vaqueiro Raimundo Jacó, Armando foi até o altar e cumprimentou os sacerdotes que celebraram a missa, além do bispo de Salgueiro, dom Magnus Henrique Lopes, que presidiu a cerimônia.

Já o candidato da Frente Popular, Paulo Câmara, acompanhou a Missa do Vaqueiro acompanhado pelo governador de Pernambuco, João Lyra Neto (PSB), e pelo postulante ao Senado, Fernando Bezerra Coelho (PSB).

“A Missa do Vaqueiro é um importante acontecimento que resgata a força desse ícone de nossa cultura, que é o vaqueiro”, afirmou, ressaltando que prestigiará, caso eleito governador, outras edições da missa. “Estarei todos os anos aqui”, prometeu.

O caráter religioso do evento foi destacado pelo ex-ministro Fernando Bezerra Coelho. Sertanejo de Petrolina, o socialista afirmou que em missas como a do Vaqueiro aproveita para pedir ajuda para a região. “É um evento religioso muito importante, que nos dá a oportunidade de pedir para que o Sertão possa atravessar suas dificuldades. É sempre bom vir aqui”, exaltou.


Do Blog da Folha

Comentários

Comentário pelo Facebok
Outros comentário

Outras notícias