GB Bateiras Auto Elétrica e Mecânica. Em Timbaúba (81)3631-0979 e Carpina (81)3621-3762
Vem para ubafibra | Ubannet (81) 3631-5600

04/04/2020 às 17h01m - Atualizado em 04/04/2020 às 19h11m

Idoso de 82 anos recebe alta na Bahia após se curar do coronavírus: 'Sinal de que nem tudo está perdido'

Seu Marivaldo tem Alzheimer e deu entrada em um hospital particular de Salvador no dia 19 de março. Após deixar a unidade médica, ele foi para casa, onde segue em isolamento.

curado_do_covid-19

Um idoso de 82 anos teve alta média após passar 15 dias internado em tratamento contra o coronavírus, em Salvador. Seu Marivaldo tem Alzheimer e deu entrada em um hospital particular da capital baiana no dia 19 de março. Após se recuperar, ele voltou para casa, onde segue em isolamento como medida de precaução.

"Esse paciente tinha uma forma da doença que tinha componente abdominal. Esses pacientes costumam cursar mais graves do que os outros, segundo alguns estudos. Felizmente isso não aconteceu, ele deixou de ter febre, melhorou da dor abdominal, evoluiu bem. Teste final mostrou que ele não tinha mais o vírus na via respiratória", diz o infectologista Adriano Oliveira.

No último boletim divulgado pela Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab), o número de casos de coronavírus confirmados no estado subiu de 282 para 290. Seis pessoas morreram na Bahia. Seu Marivaldo é um dos 63 pacientes que estão curados.

"Ele está em casa. Meu pai está bem, ótimo, todo mundo passando bem. Querendo dizer para as pessoas que têm pais idosos que é importante seguir as orientações médicas de manter o isolamento", conta Mônica Miranda, filha do paciente.

Adriano Oliveira acredita que a recuperação de seu Marivaldo indica um bom sinal de esperança para toda população em meio ao cenário de temor pelo coronavírus.

"O fato de adquirir um vírus desse que está amedrontando tanta gente e, de repente, a gente vê um senhor desse de 82 anos sair. Isso é um sinal de que nem tudo está perdido. É possível vencer a doença, voltar para casa e continuar a vida".

Do G1 Bahia

Comentários

Comentário pelo Facebok
Outros comentário

Outras notícias