GB Bateiras Auto Elétrica e Mecânica. Em Timbaúba (81)3631-0979 e Carpina (81)3621-3762
Vem para ubafibra | Ubannet (81) 3631-5600

30/04/2020 às 23h13m - Atualizado em 01/05/2020 às 02h04m

Universidade Federal de Pernambuco forma 73 médicos para reforçar equipes de saúde contra coronavírus

Colação de grau foi dividida em várias sessões, na manhã desta quinta-feira, no câmpus Recife da UFPE

colacao_de_grau_ufpe

Setenta e três jovens concluíram o curso de medicina na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e colaram grau, na manhã desta quinta-feira (30). Devido às restrições por causa da pandemia do novo coronavírus, a cerimônia de colação de grau foi dividida em várias sessões, com quantidade restrita de pessoas, uso de máscaras e distanciamento uns dos outros. Ao contrário de outras instituições de ensino, a UFPE optou por não antecipar a formatura dos estudantes antes da conclusão integral da graduação. Portaria do Ministério da Educação (MEC) autoriza alunos de medicina anteciparam o fim do curso caso tenham cursado pelo menos 75% da carga horária do internato.

O reitor Alfredo Gomes participou de uma das sessões. No final do internato (período de dois anos que os estudantes de medicina vivenciam a formação com aulas práticas em unidades de saúde), a turma teve formação voltada especificamente para a covid-19.

Também nesta quinta-feira, a Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) realizou colação de grau de 23 alunos do curso de medicina do câmpus de Paulo Afonso, na Bahia. A cerimônia foi realizada por meio de videconferência. Na semana passada, outros 32 alunos de medicina do câmpus Petrolina anteciparam a formação. No caso da Univasf, a instituição foi respaldada pela portaria do MEC.

JC Online

Comentários

Comentário pelo Facebok
Outros comentário

Outras notícias