GB Bateiras Auto Elétrica e Mecânica. Em Timbaúba (81)3631-0979 e Carpina (81)3621-3762
Vem para ubafibra | Ubannet (81) 3631-5600

28/07/2020 às 19h25m - Atualizado em 28/07/2020 às 19h47m

Pernambuco registra perda de 3.264 vagas formais em junho

No acumulado do ano, Pernambuco já perdeu 214.144 vagas formais. E diante das 146.248 carteiras assinadas, o saldo ficou negativo em 67.896.

emprego_desemprego_carteira_trabalho_oportunidade

No último mês de junho, o mercado de trabalho formal em Pernambuco fechou 20.651 vagas, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). O número de carteiras assinadas, no entanto, chegou a 17.387 segundo esses dados oficiais, o que aponta um saldo negativo de 3.264 vagas.

O saldo, no entanto, mostra uma um arrefecimento do aumento do desemprego no estado uma vez que, nos meses anteriores, os números foram maiores: quedas de 6.952 em maio e de 24.965 em abril, o pico da pandemia. Em junho de 2019, o saldo a perda foi de 253 vagas formais.
 
"Tivemos um saldo positivo de empregos na área de agricultura, na indústria, de modo geral, na construção, na saúde e nos serviços sociais, mas continuamos com perdas no comércio. Um exemplo é o Polo de Confecções do Agreste do Estado e a área de serviços, que inclui o setor de alojamento e hotelaria, disse o secretário de Trabalho, Emprego e Qualificação, Alberes Lopes.

Acumulado 
No acumulado do ano, Pernambuco já perdeu 214.144 vagas formais. E diante das 146.248 carteiras assinadas, o saldo ficou negativo em 67.896. Além da pandemia, existe reflexo da entressafra da monocultura da cana-de-açúcar nesse resultado.
 
No Brasil, em junho passado, houve 895.460 contratações e 906.444 desligamentos, gerando um saldo negativo de 10.984 empregos, uma variação de -0,03%. No acumulado do ano, houve 6.718.276 admissões e 7.916.639 demissões, resultando um total de 1.198.363 empregos perdidos. Os setores de maiores perdas foram serviços (-507.708), comércio (-474.511), indústria em geral (-246.593), construção (-32.092). Em relação ao mês de junho de 2019, o País sofreu perdas. Naquele ano, o saldo foi positivo de 48.436 empregos formais gerados. 

Comentários

Comentário pelo Facebok
Outros comentário

Outras notícias