GB Bateiras Auto Elétrica e Mecânica. Em Timbaúba (81)3631-0979 e Carpina (81)3621-3762
Vem para ubafibra | Ubannet (81) 3631-5600

04/04/2020 às 16h31m - Atualizado em 04/04/2020 às 17h56m

Cantor morre após sofrer dois acidentes em 3 horas no Piauí

Paulynho Paixão saiu ileso de uma batida de carro, mas morreu horas depois em um acidente com uma motocicleta

paulynho_paixao

Um cantor morreu nesta sexta (3) ao sofrer um acidente de moto em uma rodovia estadual do Piauí. Paullynho Paixão, 43 anos, havia saído ileso de um outro acidente automobilístico horas antes. Conhecido como “Rei do Coladinho”, ele compôs músicas interpretadas por Simone e Simária, Luan Santana, Gustavo Lima e Wesley Safadão.

Em entrevista ao G1, o irmão do cantor, Francisco Moura, contou que Paulynho sofreu o acidente de carro por volta das 22h da quinta (2), próximo à cidade de Passagem Franca do Piauí, a 104 km da capital Teresina. Sem ferimentos, teria ido à casa da família e sua terra natal, a cidade de São Miguel da Baixa Grande.

Moura contou que ele e outro irmão do cantor estavam se deslocando para buscar o carro em que Paulynho havia sofrido o acidente quando o encontraram caído no chão em uma rodovia estadual, ao lado de uma moto.

O cantor ainda foi socorrido para um hospital da região, mas não resistiu aos ferimentos do segundo acidente e acabou morrendo.

Prisão – Francisco de Paula Moura, o Paulynho Paixão, também ficou conhecido nacionalmente quando foi detido por violência doméstica. Wilma Alves da Silva, conhecida como Tayanne Costa, ex-esposa do cantor, o acusou de agressão em agosto de 2019 e ele acabou enquadrado na Lei Maria da Penha.

Do Leia Já

Comentários

Comentário pelo Facebok
Outros comentário

Outras notícias