GB Bateiras Auto Elétrica e Mecânica. Em Timbaúba (81)3631-0979 e Carpina (81)3621-3762
Vem para ubafibra | Ubannet (81) 3631-5600

04/08/2020 às 14h15m - Atualizado em 04/08/2020 às 20h54m

Polícia Federal de São Paulo prende homem suspeito de abusar sexualmente de duas crianças e publicar imagens das vítimas na internet

Homem começou a ser investigado pelo Grupo de Repressão a Crimes Cibernéticos da PF, após um alerta feito pela Interpol, em Lyon, na França. Fotos dos abusos eram compartilhadas na deepweb.

computador-notebook

A Polícia Federal de SP prendeu preventivamente na manhã desta terça-feira (4) na Zona Leste de São Paulo um homem suspeito de abusar sexualmente de duas crianças, com idades de 3 e 6 anos, e depois publicar as imagens das vítimas na internet.

A prisão foi resultado da operação "Toca da onça", Cooperação Policial Internacional para a repressão à Pedofilia na internet e ao estupro de vulneráveis.

O homem começou a ser investigado pelo GRCC, Grupo de Repressão a Crimes Cibernéticos da PF, após um alerta feito pela Interpol, em Lyon, na França. Os últimos estupros identificados aconteceram em fevereiro deste ano.

As fotos dos abusos eram compartilhadas na deepweb, uma camada mais profunda da internet, de acesso anônimo e usado para divulgação de conteúdos ilegais.

De acordo com a investigação, as crianças - uma menina e um garoto - são filhos da prima da esposa do agressor. Não foi confirmada, até o momento, a participação de outras pessoas nos abusos.

O preso vai responder por estupro de vulnerável, além de produção, armazenamento e compartilhamento de imagens de pornografia infantil nas internet.

O crime de publicação de imagens de pornografia infantil prevê pena de 3 a 6 anos de reclusão. Já o estupro de vulneráveis prevê de 8 a 15 anos de prisão.

G1 SP

Comentários

Comentário pelo Facebok
Outros comentário

Outras notícias