GB Bateiras Auto Elétrica e Mecânica. Em Timbaúba (81)3631-0979 e Carpina (81)3621-3762
Vem para ubafibra | Ubannet (81) 3631-5600

20/09/2020 às 08h48m - Atualizado em 20/09/2020 às 09h05m

Pernambuco ultrapassa 8 mil óbitos pela Covid-19

Estado soma 141.042 infectados e 122.512 pacientes recuperados da doença.

coronavirus-teste_rapido

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) registrou, neste sábado (19.09), 807 novos casos da Covid-19. Entre os confirmados hoje, 42 (5%) são casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e os outros 765 (95%) são leves, ou seja, pacientes que não demandaram internamento hospitalar. Agora, Pernambuco totaliza 141.042 casos confirmados, sendo 26.032 graves e 115.010 leves, que estão distribuídos por todos os 184 municípios pernambucanos, além do arquipélago de Fernando de Noronha.

Além disso, o boletim registra um total de 122.512 pacientes recuperados da doença. Destes, 16.106 eram pacientes graves, que necessitaram de internamento hospitalar, e 106.406 eram casos leves.

Também foram confirmados laboratorialmente 33 óbitos (sendo 20 do sexo masculino e 13 do sexo feminino). Os novos óbitos confirmados são de pessoas residentes nos municípios de Belém de Maria (1), Cabo de Santo Agostinho (5), Cachoeirinha (1), Camaragibe (2), Caruaru (2), Cedro (1), Custódia (1), Gameleira (1), Igarassu (1), Jurema (1), Olinda (1), Paulista (1), Primavera (1), Recife (10), Sanharó (1), São Lourenço da Mata (1), Tabira (1) e Triunfo (1). Com isso, o Estado totaliza 8.004 mortes pela doença.

As mortes registradas no boletim de hoje ocorreram entre 23 de abril e 18  de setembro. Do total de mortes do informe de hoje, 4 (12%) ocorreram nos últimos três dias, sendo uma na sexta-feira (18/09) e três em 16/09. Os outros 29 registros (88%) ocorreram entre os dias 23/04 e 14/09.

Os pacientes tinham idades entre 39 e 85 anos. As faixas etárias são: 30 a 39 (1), 40 a 49 (3), 50 a 59 (4), 60 a 69 (9), 70 a 79 (12), 80 anos ou mais (4). Dos 33 pacientes que vieram a óbito, 10 apresentavam comorbidades confirmadas: hipertensão (4), doença neurológica (3), câncer (2), doença de Chagas (1), doença respiratória (1) e tabagismo (1) - um paciente pode ter mais de uma comorbidade. Os demais estão em investigação.

 
 
 
 
 

Comentários

Comentário pelo Facebok
Outros comentário

Outras notícias