GB Bateiras Auto Elétrica e Mecânica. Em Timbaúba (81)3631-0979 e Carpina (81)3621-3762
Vem para ubafibra | Ubannet (81) 3631-5600

28/10/2018 às 13h33m - Atualizado em 28/10/2018 às 13h34m

Eleitor é preso em João Pessoa após fotografar voto na urna

A infração foi registrada por um mesário, que solicitou a presença do juiz na sessão. A Polícia Militar foi acionada para fazer a prisão e levá-lo à sede da Polícia Federal em Cabedelo.

eleitor_fotografou_votoParaíba.com

Neste domingo (28), um homem acabou sendo preso por ter fotografado seu voto na urna eletrônica na Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Dr. João Navarro Filho, localizada no Valentina, bairro de João Pessoa.

A infração teria sido registrada por um mesário, que solicitou a presença do juiz na sessão. A Polícia Militar foi acionada para fazer a prisão e levá-lo à sede da Polícia Federal em Cabedelo. 

De acordo com a polícia, o mesário flagrou a ação e solicitou a presença do juiz no local. Uma guarnição da Polícia Militar, por sua vez, foi acionada para fazer a condução do suspeito para a sede da Polícia Federal, em Cabedelo.

Gravar vídeo e fazer selfie em local de votação é crime, previsto no Código Eleitoral, por violar ou tentar violar o sigilo do voto. A punição é de até dois anos de prisão, além do pagamento de multa.

A Lei das Eleições proíbe o uso de equipamentos eletrônicos diante da urna eletrônica. No artigo 91-A, a norma estabelece que "fica vedado portar aparelho de telefonia celular, máquinas fotográficas e filmadoras, dentro da cabina de votação".

Comentários

Comentário pelo Facebok
Outros comentário

Outras notícias