GB Bateiras Auto Elétrica e Mecânica. Em Timbaúba (81)3631-0979 e Carpina (81)3621-3762
Vem para ubafibra | Ubannet (81) 3631-5600

11/11/2015 às 11h58m - Atualizado em 11/11/2015 às 12h20m

Proprietários de cinquentinhas encontram problemas para registrar ciclomotores

Prazo para cadastramento termina nesta quarta-feira (11)

Donos de ciclomotores têm sofrido para conseguir emplacar as cinquentinhas dentro do prazo estipulado pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran), que termina nesta quarta-feira. Além de reclamações envolvendo a demora das filas e a falta de funcionários para realizar o atendimento, alguns proprietários afirmaram ter recebido orientações para realizar a perícia em uma empresa privada, mas que não é autorizada pelo Detran.

O problema começou quando um funcionário da sede da instituição, localizada no bairro da Iputinga, Zona Oeste do Recife, teria distribuído cartões da empresa privada 3ª Visão, localizada no bairro de Afogados. Os donos de cinquentinha foram aconselhados a procurar o estabelecimento privado para agilizar o processo de emplacamento. No local, eles precisaram pagar R$ 80 para que a perícia fosse realizada. Entretanto, ao apresentar o documento, os proprietários descobriram que a empresa não estava vinculado ao Detran e que a vistoria não seria aceita.

A Tv Clube entrou em contato com a dona do estabelecimento, que não quis ser identificada. De acordo com ela, a 3ª Visão presta serviço particular e tudo não passou de um mal-entendido. Ela afirmou, ainda, que devolveu o dinheiro de todos os clientes que reclamaram. O diretor-presidente do Detran, Antônio Carlos Gouveia, explicou que o órgão pode terceirizar alguns serviços, mas que não há empresa vinculada para realizar as vistorias.

Cadastro na BIN
A perícia e a demora no atendimento não são as únicas dificuldades encontradas pelos donos de cinquentinhas. Muitos proprietários estão com dificuldade de conseguir o registro dos ciclomotores na Base de Índice Nacional (BIN). O cadastro deveria ser realizado na hora da compra do veículo, na própria loja. Para garantir que o problema não prejudique o emplacamento, o diretor-geral do Detran, Sebastião Marinho, disponibilizou uma alternativa.

Os proprietários devem apresentar o protocolo de solicitação da BIN expedido pela revendedora, além do documento da Delegacia de Roubos e Furtos, para completar o registro e licenciamento do veículo. Após o cadastramento, o dono terá até o dia 11 de dezembro para regularizar a situação. O esquema especial de atendimento exclusivo aos proprietários de cinquentinhas continua em todas as sedes do Detran, até as 16h desta quarta. Além disso, os motoristas não precisam realizar o agendamento prévio, como acontece normalmente.


As informações são do Diário de Pernambuco

Comentários

Comentário pelo Facebok
Outros comentário

Outras notícias