GB Bateiras Auto Elétrica e Mecânica. Em Timbaúba (81)3631-0979 e Carpina (81)3621-3762
Vem para ubafibra | Ubannet (81) 3631-5600

07/12/2014 às 11h38m - Atualizado em 07/12/2014 às 13h55m

Tradição e Modernidade se unem no espetáculo Baile Muderno

O espetáculo mostra como o tradicional pode se tornar moderno, através das manifestações culturais apresentadas no diálogo corporal dos dançarinos.

A Cia Fuá de Terreiro apresentará no dia 07 de dezembro, às 18h, em Ferreiros/PE, o espetáculo Baile Muderno, que traça um paralelo entre brincadeira e vida cotidiana dos trabalhadores rurais da zona canavieira. O espetáculo mostra como o tradicional pode se tornar moderno, através das manifestações culturais apresentadas no diálogo corporal dos dançarinos.

Celebrando a união entre a vida cotidiana e brincadeira, o espetáculo se transforma em um baile para cultuar, resistir e celebrar. De acordo com o dançarino, Ademilton Barros, o Baile Muderno traz alguns signos cênicos e corporais que remetem à realidade dos trabalhadores rurais, porém em um contexto atual. “Estes se relacionam num movimento contínuo como um ciclo, na qual, a sua força motriz é estabelecida pelo círculo. Formato que se transfigura como uma xilogravura em movimento, os pés, secos como a terra em que pisam num bailado quente transformam o barro em possibilidades de morada sonora",afirmou o dançarino.

A Cia Fuá de Terreiro foi fundada esse ano, na cidade de João Pessoa/PB, pelos bailarinos Ademilton Barros, Joelson Topete, Thaismary Ribeiro e o musico Cleiton Teixeira. Tem como proposta pesquisar as diversas formas de danças tradicionais brasileiras na tentativa de trazê-las para um contexto atual, elaborando assim novas possibilidades de releitura a partir das experiências vivenciadas pelos intérpretes.

Serviço
Baile Muderno

Local: Rua Barão de També - Ferreiros/PE
Horário: 18h

Ficha Técnica
Dançarinos
Ademilton Barros, Joelson Topete e Thaismary Ribeiro.
Musico
Cleiton Teixeira
Figurino
Fafá Dantas
Adereços
Joelson Topete e Thaismary Ribeiro
Direção Coreográfica
Ademilton Barros
Direção Musical
Cleiton Teixeira

Comentários

Comentário pelo Facebok
Outros comentário

Outras notícias