GB Bateiras Auto Elétrica e Mecânica. Em Timbaúba (81)3631-0979 e Carpina (81)3621-3762
Vem para ubafibra | Ubannet (81) 3631-5600

13/04/2020 às 12h31m - Atualizado em 13/04/2020 às 23h37m

Homem é suspeito de matar a esposa com 14 facadas em Petrolina; ele foi encontrado ao lado do corpo

Kezzia Homeilly, de 32 anos, professora de educação infantil.

mulher_morta-feminicdio-violencia-estupro

Um feminicídio foi registrado na noite do último sábado (11) em Petrolina, no Sertão do Estado. O crime aconteceu no bairro Jardim Amazonas e a vítima foi Kezzia Homeilly, de 32 anos, professora de educação infantil. Kezzia recebeu 14 golpes de faca do marido e não resistiu as agressões, falecendo no local. O suspeito foi preso em flagrante próximo ao corpo da vítima e foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil por policiais do 5º Batalhão da Polícia Militar. 

Em um vídeo que está sendo compartilhado nas redes sociais, o marido de Kezzia aparece sentado próximo ao corpo da vítima na calçada, dizendo: “não valoriza, passei o dia todinho rodando atrás dela, ninguém sabe aonde ela tava”.

Este já é o segundo caso de feminicídio registrado em abril no município de Petrolina. No dia 8 deste mês, no bairro Vila Vitória, uma mulher, que ainda não teve a identidade revelada, foi encontrada morta, também à facadas, dentro de casa.

Do JC Online

Comentários

Comentário pelo Facebok
Outros comentário

Outras notícias