GB Bateiras Auto Elétrica e Mecânica. Em Timbaúba (81)3631-0979 e Carpina (81)3621-3762
Vem para ubafibra | Ubannet (81) 3631-5600

21/05/2020 às 01h57m - Atualizado em 21/05/2020 às 07h49m

Hospital de campanha começa a ser montado ao lado do Hospital Universitário em Petrolina

A previsão é que o hospital de campanha comece a funcionar em junho.

hospital_campanha-coronavirus

Petrolina, no Sertão de Pernambuco, vai contar com dois hospitais de campanha que vão receber pacientes com suspeita ou confirmação do novo coronavírus. Uma das estruturas, de responsabilidade do governo do estado, já começou a ser montada, ao lado do Hospital Universitário. A previsão é que o hospital de campanha comece a funcionar em junho.

A empresa tem 15 dias para concluir a implantação do Hospital de Campanha, que vai contar com 102 leitos, sendo 76 de enfermaria e dois de estabilização. O governo do estado investiu R$1,5 milhão na montagem e aluguel da estrutura por seis meses.

"Este hospital, este equipamento vai ser gerido por uma organização social de saúde, que ficará responsável pela contratação dos profissionais médicos e fazer o funcionamento da unidade, seja com medicamento, seja com outros insumos. No primeiro momento, o valor que nós temos é de R$ 1,5 milhão pela montagem e aluguel por seis meses. Até a próxima segunda-feira, nós deveremos ter a organização social contratada que tocará o hospital, e a esse custo de R$1,5 milhão, haverá outro investimento, que será o pagamento de salário, contas de água, energia, insumos e medicamentos", esclareceu o membro do comitê de crise de Pernambuco, Márcio Stefanni.

O porta voz do Comitê de crise do Governo de Pernambuco explica que vão ser encaminhados para o hospital os pacientes com suspeita ou confirmação da Covid-19 com quadro de saúde considerado moderado, ou seja, que não precisam de um respirador.

"Quem vai designar o paciente para o hospital serão profissionais da área médica , sejam enfermeiros , médicos que receberão esses pacientes, possíveis infectados na área de cobertura do hospital. E ao detectar, que esses pacientes, merecem cuidados maiores, existem pessoas que estão com o vírus, mas estão assintomáticas, fiquem em casa. Essas com sintomas leves, essas se isolem. Mas aqueles que necessitam de cuidados médicos, eles se serviram da estrutura que está sendo implantada em Petrolina", explicou Márcio.

O Hospital de Campanha deve ficar pronto no início de junho. O Comitê de crise do estado divulgou outras ações de investimento para o combate à Covid-19. "Na estratégia para o enfrentamento da pandemia no Sertão, o governo do estado contratou leitos da rede privada em Araripina e em Petrolina, um total de 15; reforçou o Inácio de Sá em Salgueiro; já transformou a UPAE em unidade hospitalar que terá 100 leitos, 20 de UTI e 80 de enfermaria. E para Hospital Universitário, que terá ao seu lado, o Hospital de Campanha, serão destinados 20 novos respiradores, que nós aguardamos as compras internacionais que fizemos e do envio do Ministério da Saúde".

G1 Petrolina

 

Comentários

Comentário pelo Facebok
Outros comentário

Outras notícias